terça-feira, 18 de novembro de 2008

Pressuposto e Subentendido

“ Eu gosto de catar o mínimo e o escondido. Onde ninguém mete o nariz, aí entra o meu, com a curiosidade estreita e aguda que descobre o encoberto.”
MACHADO DE ASSIS.Obra completa.v.3.Rio de Janeiro:Nova Aguilar: 1994.

Pressuposto e subentendido

Nem sempre percebemos que, ao ler, complementamos informações fornecidas pelo texto com outras informações que inferimos a partir do que foi dito pelo autor. Isso porque o texto nos transmite, pelo menos, duas informações: uma que é pressuposta e outra que está subentendida.

Esse é um aspecto não só intrigante como interessante: a presença de enunciado com pressupostos e subentendidos. Para desvendá-los é preciso ser um leitor perspicaz, que lê nas entrelinhas para, assim, captar as mensagens implícitas.

Pressupostos são idéias não expressas de maneira explícita, mas que podem ser percebidas a partir de certas palavras que, por si mesmas, veiculam significações implícitas.


.certos advérbios - O resultados da prova ainda não foi divulgado.
(Pressuposto - O resultado já devia ter sido divulgado ou O resultado será divulgado com atraso.)

.certos verbos - O esquema da mala tornou-se público.
(Pressuposto - O esquema não era público.)

.orações adjetivas - Os candidatos a prefeito, que só querem defender seus interesses, não pensam no povo.
(Pressuposto - Todos os candidatos a prefeito têm interesses individuais.)

.adjetivos - Os partidos radicais acabarão com a democracia no Brasil. (Pressuposto - Existem partidos radicais no Brasil.)

Subentendidos são insinuações escondidas por trás de uma afirmação.

Enquanto o pressuposto é lexical e é um dado apresentado como indiscutível para o falante e o ouvinte, não permitindo contestações; o subentendido é contextual, é pragmático, é de responsabilidade do ouvinte, e por isso, altamente variável, uma vez que o falante esconde-se por trás do sentido literal das palavras.

3 comentários:

linguagem e poder disse...

Esse assunto é muito interessante e necessário para a compreensão de textos. O livro do professor Rodolfo Ilari 'Introdução à Semântica' traz divertidas atividades que podemos desenvolver com nossos alunos sobre essa questão e muitas outras.
Bjo

rosa disse...

Muito obrigada, vocês esclareceram a diferença entre pressuposto e subentendido de maneira clara e objetiva.

Unknown disse...

Grato pelo esclarecimento.Estava com uma serie de dúvidas a respeito deste conceito.Mas entendi agora melhor do que trata.NDiogou Diene,Arquiteto.Prof.e-mail:arqdiene@gmail.com